Para Ler, Ver e Ouvir!

quarta-feira, 31 de julho de 2019

Filme #129 – A Princesa Prometida (The Princess Bride, 1987)

Heróis, gigantes, vilões, magos e amor verdadeiro.

A famosa Buttercup, que está comprometida com o detestável Príncipe Humperdinck, é sequestrada e mantida presa para provocar o início de uma guerra. Agora Westley, seu amor de infância, a salvará custe o que custar.

Nos dias atuais, um avô (interpretado por Peter Falk) abre um livro para ler para seu neto (interpretado por Fred Savage, da série “Anos Incríveis”), que está de cama. A princípio, o menino reluta em desligar o vídeo game para ouvir a estória, até que o velhinho lhe diz que ela contém lutas de espada, brigas, princesa, monstros, vilões, heróis, piratas, castelos… enfim, tudo o que uma aventura deve ter.

 A Princesa Prometida (The Princess Bride, 1987)

É assim que começa o filme “A Princesa Prometida” de 1987 com direção de Rob Reiner, mostrando nas telas o que o menino imagina de acordo com o relato da estória. Em alguns momentos, essas imagens são interrompidas para um novo interlóquio dos dois. Trata-se da história de Buttercup (interpretada por Robin Wright), uma jovem prometida em casamento ao Príncipe Humperdinck. Tudo começa quando a princesa Buttercup reconhece no camponês Westley (interpretado por Cary Elwes) o seu grande amor. O jovem camponês decide viajar para conseguir dinheiro e casar com Buttercup, porém, ela recebe uma notícia que ele havia sido capturado por um pirata e falecido.

Desiludida por perder seu amado camponês, a princesa Buttercup resolve se casar com o príncipe Humperdinck (interpretado por Chris Sarandon), mas no dia do seu casamento ela é raptada por uma gangue. Sendo um deles a cabeça do grupo; outro um espadachim talentoso, Inigo Montoya e o terceiro um gigante grandalhão e forte, Fizzik. Um pirata, chamado Robert (e com figurino do Zorro), aparece para salvá-la. Mas Robert na verdade é seu amor de adolescência, Westley. À partir de certo ponto ele se alia a Inigo e Fizzik para impedir o casamento de Buttercup.

"A Princesa Prometida" é um filme cult e que possui todos os elementos de fantasia, mas na verdade trata-se de uma comédia satírica sensacional. Ótima comédia, uma das melhores que já assisti do gênero. Me surpreendeu positivamente e me divertiu demais. Tem roteiro inteligente, boas atuações (com destaque para os protagonistas) e uma fotografia perfeita. É difícil não gostar deste romance cômico. Entra na minha lista de filmes guilty pleasure. Recomendo!

 A vida é dor, majestade. Quem te disser o contrário está tentando lhe vender algo.

– Westley.
SHARE:

Nenhum comentário

Postar um comentário

Blog Layout Designed by pipdig