Para Ler, Ver e Ouvir!

terça-feira, 23 de julho de 2019

Cult Trash #18: Bon Jovi, Cyndi Lauper, Rick Astley e Mais!

Em mais um post do Cult Trash mais uma seleção de músicas boas e videoclipes nem tão bons assim. Segue a lista com...

Bon Jovi marca presença na lista

#1 Haircut 100 - Love Plus One


"Love Plus One" é um single de 1982 da banda britânica Haircut One Hundred do seu álbum de estréia, Pelican West. Foi o maior sucesso da banda em sua terra natal, o Reino Unido, onde alcançou o 3º lugar.


O single foi o único sucesso da banda nos Estados Unidos, onde alcançou o 37º lugar no ranking da Billboard Hot 100. A música ficou em 90º lugar no número 100 de One Great Wonder dos anos 80 do VH1.


#2 Swing Out Sister - Breakout


Swing Out Sister é um trio inglês pop formado em 1985 por Corinne Drewery, Martin Jackson e Andy Connell. Seu primeiro single de sucesso foi Breakout, que está presente no álbum It's Better to Travel, de 1987.

O single alcançou a posição #4 no Reino Unido no outono de 1986, e subiu para o número #6 na Billboard Hot 100 nos EUA e número um no Adult Contemporary nos EUA em 1987. A música também resultou em um Grammy Award. nomeação para Melhor Performance Vocal Pop por um Duo ou Grupo.


O single foi escrito e executado enquanto o grupo ainda era um trio. Foi um dos maiores sucessos deles, e a música mais associada ao ato. Nos Estados Unidos, "Breakout" continua sendo um marco das listas de reprodução de estações de rádio de jazz contemporâneo e smooth jazz. Assim como no Brasil, rádios como a Antena 1 reproduzem sempre a música.

#3 Cyndi Lauper - True Colors

"True Colors" é uma canção da cantora e atriz norte-americana Cyndi Lauper, incluída no seu segundo álbum solo de estúdio de mesmo nome.

A canção chegou ao #1 da Billboard, e foi a última canção de Lauper a alcançar tal feito na parada (Billboard Hot 100), antecedida por outra canção de também muito sucesso, Time After Time. Billy Steinberg escreveu originalmente "True Colors" sobre a sua própria mãe. Tom Kelly alterou o primeiro verso e a dupla apresentou a canção para Cyndi Lauper. Sua demonstração foi em forma de piano com balada gospel como "Bridge Over Troubled Water". Steinberg disse a Songfacts que "Cyndi era completamente desmantelada com esse tipo de arranjo tradicional e que veio com algo que era mais excitante e cru". Outras canções que escreveram para Cyndi Lauper foi "I Drove All Night" e "Unconditional Love", o último foi regravado por Susanna Hoffs.


A exibição do videoclipe ''True Colors'' no MTV Lab Cult Trash era constante!

#4 Rick Astley - Never Gonna Give You Up

Never Gonna Give You Up foi o primeiro hit de sucesso do cantor britânico Rick Astley. Originalmente gravado por ele, em 1987, encontra-se no álbum de estréia do cantor, Whenever You Need Somebody. 


Atualmente, a canção tem um novo reconhecimento através de brincadeiras na internet, quadras esportivas, programas televisivos, entre outros. Dá-se o nome de Rickroll o ato de reproduzir o videoclipe oficial ou a canção "Never Gonna Give You Up" em momentos inconvenientes, como no meio de um jogo de volleyball, protesto popular, programa jornalístico ou no conhecido caso em que Rick Astley pessoalmente interrompeu a apresentação musical do carro alegórico da A Mansão Foster para Amigos Imaginários na Macy's Thanksgiving Day Parade saindo de traz do carro alegórico cantando o single "Never Gonna Give You Up".

#5 Bon Jovi - You Give Love A Bad Name

A música You Give Love a Bad Name foi lançada no álbum Slippery When Wet, que transformou o Bon Jovi em uma das maiores bandas de hard rock do planeta. Lançada em 1986, a música é muito boa e o videoclipe? Extremamente trash. Mas isso não desmerece a banda e sua qualidade vocal, só da o direito dela entrar aqui na lista.


#6 Man... or Astroman? - The Miracle of Genuine Pyrex

Man or Astro-man? foi uma banda de surf rock formada no Alabama em 1992 e uma das bandas mais proeminentes na época em seu gênero.

A banda começou tocando rock instrumental, semelhante a outras banda de surf-rock como The Ventures, mais tarde adotaram uma fusão de estilos, que incluem o surf rock dos anos 1960 com o new wave e o punk rock do final dos anos 1970 e meados dos anos 1980.



A banda era conhecida por sua anacrônica dedicação aos temas dos antigos programas de TV e filmes de ficção científica, uso de samplers, obscuros dispositivos eletrônicos como o theremins e bobinas de tesla, e enérgicas performances ao vivo.

-

Curtiram? Até a próxima! #culttrash!
SHARE:

Um comentário

Blog Layout Designed by pipdig