Meus Discos #01 – CD Across the Sky - O Planeta Alternativo

quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Meus Discos #01 – CD Across the Sky

Ei! Tenho alguns discos de bandas e trilha sonoras que comecei a colecionar há alguns anos, então aproveitando isso começo uma nova categoria aqui no blog, uma análise desses discos, um olhar mais profundo sobre canções e qualidade musical. Começo com uma das bandas que ouvi muito quando era mais novo: Across the Sky, que também já compartilhei algumas canções deles em #NaMinhaPlaylist. Infelizmente teve apenas um disco lançado, disco que até hoje ou muito. Então vem comigo!

O CD “Across The Sky” foi o primeiro de Ben Kolarcik e Justin Unger, integrantes do Across The Sky, que fez o maior sucesso. Contratada pela Word Record, a dupla foi responsável pela assinatura das 12 faixas contidas no álbum. A produção, para surpresa dos fãs, ficou por conta de Tony Palacios, ex-guitarrista da extinta banda cristã Guardian, ícone das décadas de 80 e 90.

Para desenvolver este álbum, os meninos com 21 anos na época misturaram todas as influências que receberam. Ben Kolarcik sempre gostou de um som mais rock. Justin Unger, das baladas. O resultado foi um disco com tudo o que há de mais moderno de Michael W. Smith e Steven Curtis Chapman. Ou seja: puro pop!

No Brasil, o Across The Sky tornou-se conhecido com “Give It All Away”, que fez parte da trilha sonora da novela da Rede Globo “Mulheres Apaixonadas”. Esta música mostra que devemos nos desvencilhar das coisas deste mundo e vivermos os propósitos de Deus. Devido a mensagens como esta, na época, o talento da dupla foi comparado com os de Cindy Morgan, Scott Krippayne e Mathew Gerrard, notáveis personagens da música cristã contemporânea.

Ben e Justin se conheceram em 2000. Mas foi em 2002 que firmaram sua amizade, quando se reencontraram nos corredores da gravadora onde tentavam carreira solo. Os jovens ouviram a orientação do Senhor e rapidamente abandonaram seus projetos para se tornarem o Across The Sky.

Neste CD a dupla reuniu grandes compositores como Cindy Morgan, Scott Krippayne, Matthew Gerrard, Jeff Borders, Kyle Matthews e Tony Wood. "Nossas canções estão cheias de esperança e fidelidade. Todo o mundo pode se relacionar pelo menos com uma delas. Nós estamos falando sobre a vida."

"Nós temos uma visão de fazer a diferença no mundo. Nosso desejo é compartilhar os nossos corações e fazer uma música excelente para alcançar as massas, isto é para a igreja ou fora da igreja", diz o Ben. "Não importa se nós estivermos em Jay Leno ou falando em estações de Rádio Cristã nos programas matutinos nós seremos fiéis e declararemos a Verdade".

Across the Sky

Músicas do CD:

#01 Found By You 
(Letra e Música: Matthew Gerrard/ Ben Kolarcik/ Justin Unger)


À primeira vista o pop/rock lustroso que soa desde o início pode atrair alguns, mas as canções são insípidas e cheias de profundidade. "Encontrado por Você" é sobre dependência e confiança em Deus. A estrofe da canção começa bem suave ao som do pop/ rock bem suave, depois no coro ganha um peso formidável, gostei muito desta canção de abertura. A sonoridade da dupla é maravilhosa.

#02 Give It All Away 
(Letra e Música: Jim Cooper/ Ben Kolarcik/ Kenny Lamb)

"Dê Tudo", nos fala sobre a paz e a segurança que só podem vir depois de pormos todo o nosso foco em Deus: "Pedaços de mim estão em desordem/ E eles só são unidos com as linhas que eu teço/ Dentro da minha cabeça Mas quando eu me separo de todas as dificuldades deste mundo/ Eu vejo meus cuidados e medos e preocupações desaparecerem." A introdução ao som do driver na guitarra, que marca sozinha o compasso, depois ganha os instrumentos como a bateria e os demais.

#03 Everywhere She Goes
(Letra e Música: Jess Cates/ Randy Jackson/ Rick Jackson)

Essa é uma balada bem gostosa de ouvir, traz alguns efeitos na guitarra. Fala de uma mulher que anda por ali, por aí, onde ele deseja esta com ela, mas ela está fazendo um jogo, não dando bola. Não entendi muito o porque desta música no CD, acho que foi pra atingir mais público, mas a sonoridade é muito boa. É uma das mais executadas da banda no Spotify.

#04 When I Open My Eyes
(Letra e Música: Jeremy Bose/ Ben Kolarcik/ Justin Unger)


Em uma canção sobre a presença infalível de Deus, "Quando eu Abro Meus Olhos" lembra o som precisamente como do The Rembrandts na harmonia deles e o som de pop/rock genérico que era a marca deles. Começa ao som do piano. A melodia é bem contagiante. Eu mesmo viajo nela. Os arranjos vocais nesta música gostei muito.

#05 Broken World
(Letra e Música: Scott Krippayne/ Justin Unger/ Tony Wood)


Across The Sky também obteve ajuda de compositores de grande renome no meio artístico. "Mundo quebrado" foi co-escrito com Scott Krippayne, e você pode ouvir falar sobre a influência dele nesta balada com piano onde diz que Cristo é nossa âncora: "Você faz o sentido da loucura/ Faça a escuridão fugir/ Traz a calma ao caos que há em mim." Ao som do piano esta também se inicia. A canção ganhou um videoclipe.

#06 Shooting Star
(Letra e Música: Jason Ingram/ Justin Unger)

Esta pra colocar todo mundo de pé "Estrela Cadente", uma balada co-escrita por Justin e Jason Ingram que refletem uma experiência pessoal à fidelidade de Deus. "Todo o mundo comete erros, mas não importa o quão longe e distante você esteja, Deus está pronto pra te receber assim que você estiver pronto pra retornar a casa dEle", diz Justin, a fidelidade de Deus é um tema que eles usaram bastante neste CD. Jason Ingram ajuda em "Estrela Cadente", uma canção de humildade e perdão dirigida pela imagem do filho pródigo e o amor do pai por ele. Ao som do violão e os efeitos no teclado pra dar a sustentação na canção.

#07 Exciting Times 
(Letra e Música: Peter Kipley/ Ben Kolarcik/ Justin Unger)

Para dois sujeitos com pouco mais de vinte anos o entusiasmo deles transpassa nas veias e chega até nós com canções maravilhosas como esta. "Vendo o caminho deles antes, Ben e Justin acham excitação no desafio que a eles chegam. "Nós temos muito que fazer, mas nós temos que dizer tudo que vier. Nós estamos entusiasmados porque nós temos uma mensagem perpétua para compartilhar com as pessoas", Ben diz. "Então você vê a extensão do mundo hoje, e as pessoas estão amedrontadas com a guerra, a economia. "Tempo Excitante" foi escrita por causa de uma mensagem que a igreja precisava ouvir, mas agora também para todo o mundo ouvir, pois reflete bem o que estamos vivendo hoje". Um som de rock na guitarra semelhante é ouvido em "Tempo Excitante", produzido por Pete Kipley (MercyMe, Kristy Starling) em um estilo que se assemelha a Shaun Groves ou Sonicflood.

#08 Masquerade
(Letra e Música: S. L. Brown/ Chuck Butler/ Justin Unger)


O mais "intenso" deste álbum é "Mascarada", sobre Satanás e o modo que ele tenta nos enganar a seguir Deus. Um pop/ rock com rifs de guitarra no início e durante a estrofe também. Com bastante efeitos, uma música bem interessante. E carregada de uma mensagem.

#09 Persistence
(Letra e Música: Jim Cooper/ Kenny Lamb/ Justin Unger)

Começa ao som do violão, e de fundo alguns efeitos na guitarra. Fala persistência que Deus tem pra conosco, onde ele sempre está perto de nós. É um pop/ rock não tão agitado como nas canções anteriores. Esta é mais reflexiva, pesada mas é mais suave.

#10 First Love Song
(Letra e Música: Jeremy Bose/ Cindy Morgan/ Justin Unger)

"Primeira Canção de amor" foi co-escrita com Cindy Morgan como uma carta de amor simples para Cristo em agradecimento pela morte dele na cruz em nosso lugar. Como os outros compositores, porém, a presença de Cindy é diminuída por demais nesta composição onde ela compôs apenas o coro. Com alguns arranjos na guitarra, e o violão aparece mais nesta canção. No coro ganha o som do driver na guitarra.

#11 Do You Dream Of Me?
(Letra e Música: Michael W. Smith/ Beverly Darnall/ Amy Grant)


Nesta canção temos uma regravação deslumbrante de Michael W. Smith "Você Sonha comigo?". Esta versão vai se mostrar uma grande balada. Com a introdução ao som do piano, pra quem a conhece sabe que ela é suave e lenta. Eu mesmo gostei muito da versão que eles fizeram. Ficou com uma cara de mais contemporânea, apesar de eles terem preservado bastante os arranjos da canção. Com alguns arranjos de cordas e um back feminino no final da canção.

#12 Not So You Will Love Me
(Letra e Música: Jeff Borders/ Ben Kolarcik/ Kyle Matthews)

Kyle Matthews co-escreveu essa canção que é voltada para o pop/rock, mas bem simples com bateria eletrônica, não foi acrescentado muito arranjo nesta canção, acho que com o som que eles trouxeram ao longo do CD, nesta canção faltou um peso na estrofe inicial, quando entra no coro, já o som fica mais carregado, mas as estrofes, achei bem fraco, "Você não deixará de me amar" que nos faz lembrar que nós fazemos bons trabalhos não que com isso vamos ganhar o amor de Cristo, mas porque ele nos ama.

-

Bom, este foi o primeiro e único disco da banda. Depois eles foram fazer carreira solo. Acho que um dos fatores para o fim do grupo foi o fato de que ambos tinham estilos diferentes, Ben tinha um ritmo mais acelerado igual ao rock, Justin um estilo mais calmo.

Seja como for, a expectativa da dupla Across the Sky foi que este CD fizesse diferença dentro e fora da igreja, e que a mensagem do Evangelho alcançasse muitas pessoas. Conseguiram. Até a próxima!

2 comentários:

  1. Não conhecia, por isso, obrigada pela partilha.

    Beijinhos, https://diamonds-inthe-sky.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. não conhecia, mas achei massa que eles falam de Deus com ritmos mais "jovens", sabe? é uma maneira muito legal de se conectar com as pessoas!

    um beijão,
    GABS | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir