Filme #56 – O Grinch (How the Grinch Stole Christmas, 2000) - O Planeta Alternativo

sábado, 22 de dezembro de 2018

Filme #56 – O Grinch (How the Grinch Stole Christmas, 2000)

Mais uma vez recomendando filmes natalinos, sigo com How the Grinch Stole Christmas (O Grinch, no Brasil), outro que marcou minha infância. Baseado no livro de 1957 de mesmo nome de Dr. Seuss. Foi o primeiro livro de Dr. Seuss para ser adaptado em um filme de longa-metragem.

Com direção de Ron Howard. O Grinch (interpretado por Jim Carrey) é uma criatura amarga, mesquinha e horrenda que odeia o Natal e todos os sentimentos bons que a data desperta nas pessoas. Todo ano, na época natalina, ele entra numa profunda depressão. 

Devido o aspecto estranho e cor verde, ele foi motivo de zombaria pelos colegas durante a infância, e agora que  está adulto, seu desejo de vingança só aumentou ao longo dos anos. Enquanto ele frequentava a escola, se apaixonou por uma garota, ela também gostava dele, mas devido as zombarias dos colegas no dia do Natal, ele decide fugir e se refugiar em uma caverna nas montanhas, tendo apenas a companhia do seu fiel amigo, o cão Max.

Grinch alimentava-se de lixo e utilizava sucatas para construir máquinas avançadas. Mas o que mais lhe perturbava era a aproximação do Natal, então ele tem uma ideia para banir completamente a data festiva. Ele pretendo estragar o Natal da Vila dos Quem, uma aldeia próxima da sua caverna. Grinch se fantasia de Papai Noel e desce até o vilarejo para roubar todos os enfeites natalinos e presentes dos moradores.

Nesse mesmo tempo, Cindy Lou Quem (interpretada por Taylor Momsen) passa os dias observando os moradores da vila, pois todos estão preocupados em comprar presentes, enfeites para suas casas e comilanças para a ceia de Natal, esquecendo o verdadeiro significado da data. Os caminhos de Cindy e Grinch se cruzam durante a véspera de Natal, e ambos conhecerão o verdadeiro significado do Natal.

O Grinch

Para quem não sabe, Dr. Seuss foi um escritor tão importante para a juventude norte-americana quanto Monteiro Lobato foi para nós brasileiros. Muitos americanos hoje adultos cresceram lendo suas histórias simples, mas sempre com importante significado. ''Como o Grinch Roubou o Natal'' tornou-se um de seus contos mais populares, tão conhecido nos EUA quanto o clássico ''Cântico de Natal'' de Charles Dickens.

Enfim, O Grinch é divertido, bem humorado (exceto o personagem central haha), inteligente, emocionante, criativo, sarcástico. É um filme que retrata perfeitamente a sensação daquelas pessoas que odeiam essa data, que não acreditam na lenda do bondoso velhinho de longas barbas brancas, e para elas, todas essas declarações de boa vontade com o próximo, não passa de uma desculpa esfarrapada para dar razão ao consumismo exagerado. Também é recheado de humor cruel e sarcástico, mas que aos poucos se transforma numa fábula encantadora, e tenta passar ao espectador o verdadeiro espírito natalino. Por isso, um filme indispensável na época natalina.

Enxergar mais que a aparência é enxergar com o coração.

Feliz Natal!

3 comentários:

  1. Adoro esse filme e a mensagem que ele passa, já assisti ele muitas vezes na minha infância!

    www.estante450.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Acho que já assisti esse filme uma vez, mas não lembro com certeza. Fiquei com vontade de assistir de novo.

    Feliz Natal

    Mente Hipercriativa
    FanPage Mente Hipercriativa

    ResponderExcluir
  3. Assisti esse filme pela primeira vez esse ano e fiz resenha no meu blog também, haha.

    Confesso que não gostei muito não, mas fiquei feliz de ter conseguido assisti-lo, depois de tanto ouvir falar.

    Beijinhos
    Início de Conversa

    ResponderExcluir