Para Ler, Ver e Ouvir!

quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

Filme #53 – A Chave Mágica (The Indian in the Cupboard, 1995)

Ei amigos! Hoje quero escrever sobre um filme que marcou minha infância. Um filme realmente mágico e que cada vez que eu assisto parece que estou vendo de uma nova maneira. Traz muitas lembranças da infância e que mexeu muito com meu imaginário. O Filme de #53 é The Indian in the Cupboard (A Chave Mágica, no Brasil).

The Indian in the Cupboard

Dirigido por Franz Oz e lançado em 1995, o longa metragem mostra as aventuras de Omri, um menino solitário (interpretado por Hal Scardino), que está completando nove anos de idade. No dia do seu aniversário, entre seus presentes, ganha um velho armário e um pequeno índio de plástico, objetos para os quais não dá atenção.

Isso muda quando, usando uma chave, ele descobre que qualquer objeto trancado no pequeno armário ganha vida. Então, o boneco se torna um índio de verdade, Little Bear/Pequeno Urso. Com o tempo, se torna seu novo amigo, acompanhando o menino em uma jornada muito inusitada. É claro que outras brinquedos também seriam transformados, e é isso que acontece.

Omri acaba transformando diversos outros personagens, que ajudam a transformar seu quarto em uma zona de guerra. Índios, cowboys, guerreiros, pilotos espaciais, robôs, animais e muitas outras figuras se tornam reais. Tudo isso mexendo muito com o imaginários das crianças.

A história do filme foi baseada no livro "The Indian in the Cupboard", escrito em 1980, pela autora Lynne Reid Banks. O livro virou um best-seller na época, vendendo mais de dez milhões de cópias.

A trama de "A Chave Mágica" foi criada, originalmente, por Lynne como uma história para fazer seu filho dormir. O protagonista foi inclusive batizado com o mesmo nome do filho da autora, Omri, um nome hebreu que significa "O Senhor é minha vida". Esse foi também o nome do sexto rei de Israel, fundador de sua própria dinastia.

Não foi um sucesso de bilheteria, porém, o longa fez bastante sucesso quando lançado em VHS nos EUA, e também em terras tupiniquins. Além, é claro, de se tornar um clássico da Sessão da Tarde. Por isso, fica aqui a minha pequena lembrança, homenageando "A Chave Mágica"!

Enfim, é uma produção infantil interessante que explora também a história local, que cativa pelos bons efeitos especiais e pela história inocente e atrativa, bem como a atuação sincera das crianças. Apesar de servir mais para as crianças, também pode ser apreciado pelos adultos. Sabe aqueles filmes que por mais que você cresça nunca será ruim rever eles? ''A Chave Mágica'' entra nessa categoria. É realmente mágico para todas as idades. Recomendo!
SHARE:

Um comentário

  1. Oi Walter! Poxa vida, esse eu não assisti. Parece ser uma história mágica e muito lúdica, adoraria assistir qualquer dia desses. Um abraço!

    ResponderExcluir

Blog Layout Designed by pipdig