Falando Sobre Filme – #36: Happiness Is... A Story of Faith (1975)

Ei pessoal! Decidi escrever um pouco sobre o filme Happiness Is... A Story of Faith, um filme que teve grande importância em meu crescimento e marcou minha infância. Apesar de ser tudo bem simples e ter sido gravado nos anos 70, tem uma mensagem poderosa que não envelhece: a mensagem de Deus. Bom, hoje tenho o trabalho de não deixar esse filme ser esquecido, visto que tem pouquíssimas informações sobre ele pela internet. Então, vamos lá!

Os três amigos queriam um clube secreto: “só para garotos”, mas a menina que joga beisebol com eles, quer ser membro também, e faz de tudo para conseguir seu objetivo. Mentiras e mais mentiras resultam das tentativas de barrar a menina, e esconder a verdade dos pais. Até que uma prenda de iniciação mal pensada, coloca tudo em risco, incluindo as suas próprias vidas. Será que Deus pode agir no meio de tanta confusão? Veja como Mike, Cris e John aprendem o significado de ser um cristão.

O nome original é “Happiness is...” que significa “Felicidade é” por causa do hino tema do filme ''Hapiness is the Lord''. Esse hino aqui no Brasil foi traduzido como “Satisfação é ter a Cristo”.

Happiness is.. A Story of Faith

Happiness Is... A Story of Faith
(recebeu o título de ''Só Para Garotos'' no Brasil) é um filme cristão voltado para a família, lançado em 1975 pela Mark IV Pictures Incorporated (de outros filmes cristãos). Com direção de Russell S. Doughten Jr., o filme foi uma ideia original de Judy Arnold e com o roteiro também de Russell S. Doughten Jr.. As filmagens tiveram locações no Tennessee, USA. Li alguns comentários no site ChristianFilmDatabase sobre o filme, e alguém comentou dizendo que foi inspirado em uma história real, as desventuras de Mike, seus amigos e Patty para entrar no ''clube só para garotos''. 

O filme é a história de um grupo de três amigos: Mike (interpretado por Brent Campbell), Chris (interpretado por Eddie Moran) e John Wesley (interpretado por Carlton Smith) e uma menina chamada Patty (interpretada por Diane Bertouille) que frequentam a mesma igreja, sendo Patty vizinha de Mike. Inicialmente, Mike e John Wesley têm a ideia de criar um clube secreto apenas para garotos, depois que o novo garoto chamado Chris chega ao bairro, ele precisa passar por algumas provas, sendo logo aprovado para entrar no clube. Patty fica com ciúmes e quer participar também, mas os garotos impedem. Então o filme todo mostra ela aprontando de um lado pra entrar e eles de outro lado pra não deixar, o que gera inúmeras confusões.

Mesmo todos os garotos frequentando a igreja, a maioria ainda não firmou um compromisso com Deus. Um dos momentos mais marcantes do filme é quando o avô alcoólatra de Chris tranca ele no porão. Então ele se lembra do que ouvia na igreja e clama pra que Jesus seja Sua Luz. Depois disso ele conta a experiência para os outros meninos que finalmente decidem se comprometer com Cristo. Mike chega até a comentar que nunca quis se converter porque não se sentia pronto, mas finalmente entende que nós nunca estaremos prontos e a vida cristã é uma caminhada constante.

Happiness is.. A Story of Faith

Os garotos então bolam uma prova de iniciação para Patty sabendo que ela não ia ser aprovada, mas tudo dá errado e eles ficam em perigo. Depois finalmente entendem que ser cristão não é ser perfeito, que vamos errar e cair mesmo e por isso precisamos sempre pedir perdão a Deus pra que Ele nos capacite a não pecar. No final as crianças desfazem o clube e todos voltam a brincar juntos.

Apesar de a história ser bem simples gostei muito do filme porque mostra a alegria e inocência típica das crianças, e isso me encantou muito na época que assisti. Sem dúvidas, rever o filme adulto é reconfortante, pois traz de volta memórias para os pais enquanto eles assistem com seus filhos. O filme ilustra que fé, veracidade e honestidade são possíveis no mundo de hoje.

O objetivo do filme é incentivar as crianças a aceitar Jesus como seu salvador (tornar-se cristão) e aprender com os erros típicos de maltratar uns aos outros. O filme remete há muitas lembranças divertidas desde então como tendo bicicletas de estilo de anos 70 e roupas da época. Tudo é bem realistas a partir do período do tempo, como crianças que têm muito tempo fora de casa e não sob supervisão de um adulto, ao contrário de atualmente que quase não se vê mais crianças pelas ruas, seja de qualquer lugar. Não há efeitos especiais e nem por isso o filme deixa a desejar para o público a qual se destina.


Como disse, Happiness is... recebeu o título no Brasil de ''Só Para Garotos'' e é distribuído pela BV Films por aqui, responsável por outros inúmeros filmes cristãos. Se quiser adquirir alguma cópia do filme pode entrar em contato com a empresa através de seu site oficial. Apresentar esse filme as crianças é muito enriquecedor. Fico por aqui, até a próxima!

1 comentários

  1. Não conhecia esse filme. Obrigado por trazê-lo aqui.
    Bom final de semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir

Siga no Instagram